Open
  • Av. Marcos Konder, nº1111, Centro, Itajaí – SC

Author Archives: admin

Curso de Monitorização Neurofisiológica Intraoperatória

Durante os dias 07 a 11 de dezembro foi realizado no Hospital e Maternidade Marieta Konder Bornhausen um Curso de Monitorização Neurofisiológica Intraoperatória, o qual contou com a participação de especialistas renomados da área, dentre os quais, o Dr. Paulo André Teixeira Kimaid, professor especialista da UNICAMP – Universidade Estadual de Campinas, juntamente com a equipe de neurocirurgiões do corpo clínico do Hospital.

A Monitorização Neurofisiológica Intraoperatória é uma técnica de avaliação diagnóstica em tempo real que tem como finalidade identificar lesões no sistema nervoso durante cirurgias ortopédicas, neurocirúrgicas, vasculares, otológicas e de cabeça e pescoço, possibilitando muitas vezes a reversão da lesão e evitando possíveis sequelas. Além de ser formalmente indicadas para pacientes com determinados tipos de doença.

Para o evento foram planejadas a realização de algumas cirurgias contando com a participação do especialista da área, visando demonstrar a técnica e qualificar as equipes afins, com o objetivo da implementação posterior da referida técnica na Instituição.

Foram nove pacientes do SUS que se enquadraram nos critérios de utilização e se beneficiaram da técnica durante o curso que foi realizado no Centro Cirúrgico do Incor do Hospital Marieta. As imagens e os registros foram transmitidos do Centro Cirúrgico para o Centro de Estudos do Incor em tempo real.

Inauguração do Serviço de Radioterapia do Hospital Marieta

A tarde de segunda-feira, 30 de novembro de 2020, foi marcada pela Inauguração do Serviço de Radioterapia do Hospital Marieta.

Os atendimentos que serão realizados no local fazem parte da extensão da Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon) que atua, quase que exclusivamente, com recursos do SUS.

A partir do início de dezembro, o serviço beneficiará os pacientes oncológicos dos 11 municípios que compõem a região da Foz do Rio Itajaí e que, até então, precisavam se deslocar até Blumenau para este tratamento.

Assista o vídeo completo da Cerimônia de Inauguração:

Hospital Marieta realiza teste de Anticorpos para Covid-19 para planos particulares

O Hospital Marieta está realizando o Teste de Anticorpos Coronavirus (IgG e IgM). Este teste é útil como auxílio na triagem precoce de pacientes com sintomas leves, de pacientes assintomáticos ou de pacientes com sintomas agudos para a identificação da infecção pelo SARS-CoV-2 com alta sensibilidade.

A indicação do teste é para pacientes assintomáticos e sintomáticos após infecção pela COVID-19 a partir do oitavo dia do início dos sintomas e/ou exposição.

O teste possui uma sensibilidade clínica de 95,8%, maior desempenho clínico se comparado a imunocromatografia rápida (testes rápidos). O teste ainda possui uma especificidade de 97%, menor índice de reação cruzada (resultado falso-positivo).

O resultado do exame será entregue em até 1 dia útil e a coleta será realizada no Hospital Marieta, não sendo necessário requisição médica.

O Hospital Marieta possui disponibilidade para realizar o exame nos dias de semana, finais de semana e feriados. Ainda, com disponibilidade de 24 horas, não sendo necessário o agendamento de horário para realização do exame.

O valor do exame é de R$200,00 e as condições de pagamento são:

* Dinheiro em espécie

* Cartão de Débito

* Cartão de Crédito com o parcelamento em até 2x sem juros.

Em casos de dúvidas ou informações adicionais, favor entrar em contato com o setor comercial:

WhatsApp: (47) 99109-7811 ou Tel.: (47) 3249-9400 (ramal 3014)

E-mail: comercial@hospitalmarieta.org.br

Entenda o diferencial do Teste Rápido COVID-19 realizado no Hospital Marieta na imagem abaixo:

Hospital disponibiliza um novo aparelho de tomografia computadorizada

O Hospital Marieta, que é referência na região e atende os 11 municípios da AMFRI, tem agora um novo aparelho de tomografia computadorizada para a realização de exames. Dessa forma, a instituição contabiliza dois aparelhos de tomografia que estão aptos para realizar qualquer tipo de exames, até mesmo aqueles mais específicos, como as Angiotomografias com reconstrução em 3D.

Os aparelhos ficam no Centro de Diagnóstico por Imagem (CDI) do Hospital, e o serviço garante uma precisão no diagnóstico, trazendo mais segurança aliando uma equipe médica qualificada e equipamentos de última geração. Pensando também no conforto dos pacientes, o local conta com estacionamento privativo.

Todos os laudos dos exames podem ser visualizados on-line e são liberados em até 24h. O CDI é aberto ao público de segunda a sexta-feira, das 7h às 21h. O acesso é pela Rua Aderbal Ramos da Silva, nº 145, no Centro de Itajaí e o telefone para contato é o (47) 3249-9428.

Nutricionista do Hospital Marieta explica o que é mito e o que é verdade sobre a alimentação durante o tratamento do câncer.

Uma alimentação saudável e balanceada é importante em qualquer fase da vida, mas se torna ainda mais indispensável e cuidadosa durante o tratamento oncológico, pois faz com que o paciente consiga se sentir melhor, manter o peso adequado e auxilia a passar pela quimioterapia, radioterapia, cirurgia, ou pela combinação desses procedimentos da melhor forma possível.

O tratamento oncológico serve para tentar eliminar as células cancerígenas, porém acabam afetando algumas células saudáveis e, por isso, o paciente pode apresentar efeitos colaterais como enjoo, boca seca e falta de apetite.

A Unacon, do Hospital Marieta, atende pacientes tanto pelo SUS quanto convênio e particular e possui uma equipe multidisciplinar que acolhe e faz o acompanhamento individual. A nutrição é parte importante disso, e as instruções podem variar de paciente para paciente, mas de uma forma geral, é preciso que a pessoa que está em tratamento oncológico tenha alguns cuidados especiais. “Algo muito importante é que o alimento seja bem mastigado, e que o paciente faça pequenas refeições a cada três horas, porque isso pode evitar o enjoo”, afirma Ana Carolina Tolentino Claudino, nutricionista clínica da Unacon.

O prato também precisa sempre ser bem colorido, incluir diariamente de três a quatro frutas e verduras e de quatro a cinco legumes, já que são ricos em fibras e vitaminas, mas é necessário lavar bem as frutas e saladas cruas para não correr o risco de conter nenhum tipo de bactéria. A dica da nutricionista é que os pacientes priorizem por preparar suas refeições, mas caso almocem ou jantem em um restaurante, evitem as saladas cruas.

Outra dica é dar preferência para alimentos integrais, incluir leite e derivados que são fonte de cálcio, mas priorizando o leite desnatado e os queijos mais brancos que possuem menos gordura. É importante inserir na alimentação também os cereais como centeio, aveia, farelos e milho que fornecem energia e dar preferência às carnes magras, aves sem pele e peixes. “A carne vermelha possui uma digestão mais lenta, por isso nossa orientação é diminuir o consumo para no máximo duas vezes por semana, sendo em dias alternados. Já os peixes são uma ótima opção, pois são ricos em proteínas e são necessários para a conservação da massa magra”, explica a nutricionista. Ingerir muito líquido também faz parte da rotina diária. O paciente deve tomar de oito a dez copos de água por dia.

Mas é preciso ficar atento ao que é proibido ou o que se deve pelo menos evitar durante o processo de tratamento do câncer. “É muito importante evitar ao máximo o consumo de alimentos embutidos ou curados como linguiça, mortadela, presunto, bacon, etc. Alimentos gordurosos também são um verdadeiro perigo, e nessa classe estão incluídas todas as frituras, carnes gordas, fast foods, margarina, óleos, creme de leite, chantilly, maionese e doces em geral”, comenta Ana. A nutricionista ainda explica que se for necessário utilizar o óleo, deve-se optar pelo azeite de oliva, óleo de milho, de canola e manteiga. Os refrigerantes e bebidas alcoólicas também são proibidos.

A nutricionista da Unacon ainda explica que é preciso ter muito cuidado com o que se encontra na internet e que é sempre necessário procurar um médico para fazer o acompanhamento. “Existem hoje muitas receitas milagrosas na internet que prometem curar o câncer, e isso nos preocupa. Por exemplo, existem pessoas que dizem que a graviola auxilia no tratamento, porém essa fruta é proibida para quem está passando por quimioterapia, pois ela possui uma toxina que inibe a ação do medicamento, ou seja, ela prejudica o tratamento ao invés de ajudar”, afirma.

A Unacon possui uma equipe multidisciplinar que faz o acolhimento de cada paciente, e além de todas as dicas, cardápio e acompanhamento nutricional do paciente que consegue se alimentar normalmente, a instituição também oferece orientações, cardápios e acompanhamento para o paciente que realiza a alimentação apenas por sonda, ajudando os familiares em todo o processo.

Informações através do telefone (47) 3249-9400 – ramais 2116 e 2119.

Olá! O que você procura?